segunda-feira, 22 de maio de 2017

Resenha - A Herdeira da Morte


Título: A Herdeira da Morte – A Herdeira da Morte #1
Autor:  Melinda Salisbury
Editora:  Rocco
Classificação: 
Páginas: 320
Sinopse:  Twylla tem 17 anos, vive num castelo e, embora seja noiva do príncipe, não é exatamente um membro da corte. Ela é o carrasco. Primeiro de uma surpreendente série de fantasia, Herdeira da Morte conta a história de uma garota capaz de matar instantaneamente qualquer pessoa que ela toca. Até mesmo seu noivo, cujo sangue real supostamente o torna imune ao toque fatal de Twylla, evita sua companhia. Porém, quando um novo guarda chega ao castelo, ele enxerga a garota por trás da Deusa mortal que ela encarna, e um amor proibido nasce entre os dois. Mas a rainha tem um plano para acabar com seus inimigos, e eles incluem os dons de Twylla. Será que a jovem se manterá fiel a seu reino ou abandonará tudo em nome de um amor condenado?



 Resenha:  Twylla sempre teve um destino certo.
Filha da devoradora dos pecados, sempre teve um destino no qual seguiria os passos de sua mãe, sendo que assim que uma pessoa morresse, a família oferecia um banquete onde a devoradora comeria tudo  fazendo com que a alma do falecido descansasse em paz. Porem, um dia lhe surge uma grande oportunidade, a rainha de Lormere aparece em sua casa, e lhe diz que a vida dela pode mudar totalmente, pois ela tem um dom, ela é a escolhida pelos deuses para ser a Daunen Encarnada, que é uma deusa que aparece em tempos de necessidade em sua forma humana, e possui um toque totalmente mortal.
‘’Durante vinte e quatro luas, matei treze traidores, incluindo os homens que executei hoje e Tyrek. Por Lormere. Por meu povo. Por meus Deuses. Porque sou a Daunen Encarnada, a filha renascida dos Deuses.’’

Há muito tempo atrás o mundo teve dois Deuses: Dæg, Senhor do Sol, que reinava durante o dia, e sua mulher, Næht, Imperadora da Escuridão, que reinava as noites. E, uma certa vez, Næht decidiu que reinar a noite já não era mais o bastante para ela. Então ela criou um plano e seduziu o marido, levando-o a exaustão que ele não conseguiu mais acordar. Dessa forma, ela conseguiu dominar os céus e passou a reinar sozinha, mergulhando o mundo inteiro na escuridão. Nada vivia, tudo era morte.
Mas, ao seduzir Dæg, Næht acabou concebendo uma filha que foi chamada de Daunen. E quando Daunen nasceu, ela veio cantando uma música que acordou Dæg do seu sono profundo, e assim ele retomou seu lugar no céu. O retorno de Dæg trouxe luz e vida de volta a Lormere, e, para expressar a gratidão por tudo, ele jurou que, sempre que Lormere mais precisasse, ele traria de volta ao mundo o espírito da sua filha, como um símbolo de paz e esperança para o povo. Eles sempre a reconheceriam pelo cabelo vermelho e por sua linda voz. Quando ela retornasse, a chamariam de Daunen Encarnada, e ela seria uma bênção para a Terra. E era isso que Twylla era para Lormere.
‘’ Sou uma sortuda, uma privilegiada. Sou uma ferramenta, uma faca.’’

Mas nem tudo era benção que Twylla realizava, assim como ela tinha seu lado do sol, ela também tinha seu lado da escuridão e esse era o que Twylla mais usava no castelo. Bastava tocar em alguém e essa pessoa simplesmente morreria aos seus pés.
E esse era é o papel de nossa personagem na história, ela é responsável em por ordem, em cumprir a sentença dada pela rainha punindo e tocando a pessoa para que morresse, assim poderia trazer a paz tanto que os deuses queriam.
‘’As pessoas não esquecem o que é ser amado – fala ele, por fim. – Não importa quão jovem ou velho você seja, ou quanto tempo durou esse amor, você sempre se lembra do sentimento de ser amado.’’

Twylla sempre levou muito a sério sua vida e seu destino, sempre longe das pessoas, sempre tentando não se apegar a elas. Seus guardas mudam de posto diretamente por medo dela, então ela já se acostumou a ser assim. Mas com a chegada de um novo guarda chamado Lief, as coisas parecem diferentes, Lief compreende o que Twylla passa e parece enxergar através da sua verdadeira mascara. O que Twylla não esperava era logo ficar tão próxima de Lief, uma proximidade que pode causar muitos problemas, e logo quando a verdade vir a torna, Twylla terá que decidir em quem confiar e se vai realmente arriscar tudo por amor.
‘’ Não acha isso cansativo, Twylla? Viver tanto tempo dentro da própria cabeça? Sei que você tem seus Deuses, mas eles bastam? Eles têm as repostas das quais precisa?’’



A Herdeira da Morte foi uma leitura muito bacana, com uma história inovadora e cheia de reviravoltas. Melinda conseguiu construir algo diferente do que já tinha lido.
É um livro nenhum pouco doce eu diria,  é um pouco cruel, com mortes inesperadas, cheio de intrigas para ter  poder.
A história fala sobre Twylla e seu destino como Daunen encarnada e sobre como Lormere foi criada através de suas crenças em deuses. Lormere atualmente é uma cidade prospera, mas eles também possuem inimigos, e o reino de Tregellan é para eles seu maior rival, principalmente por terem tantos alquimistas e sabedorias com poções, remédios e conhecimento de como criar ouro. Lormere tenta a todo custo entender como funciona o processo de alquimia, mas até hoje nunca conseguiram desvendar.
Twylla tem um papel muito importante, sendo a Daunen encarnada, tendo veneno em suas veias, um único toque é capaz de matar qualquer pessoa, menos a rainha, o rei e o príncipe Merek seu prometido, pois eles possuem as bênçãos dos deuses para tocá-la. Twylla é uma garota muito solitária, que aceitou seu destino, mas nunca gostou de ser o carrasco da rainha, onde todos a temem e nunca se aproximam.
Falar da personagem é bem complicado, mas se pudesse descrever em palavras diria que ela é muito inocente, confusa e um pouco egoísta, uma garota que precisa aprender muito ainda  e terá que sofrer um pouco para isso.
O príncipe Merek, é prometido de Twylla, ele é um personagem bem complexo e acabamos tendo sentimentos bem conflituosos sobre ele, pois apesar de ser filho da rainha ele não apóia as atitudes da mãe, ele tem um pensamento diferente  ou até diria que melhor para governar.
Temos também a Rainha de Lormere, uma mulher fria, cruel que é muito, mas muito esperta e que faz de tudo para manter a sua linhagem real pura e cheia de poder. Uma personagem muito maléfica por se dizer.
E temos Lief, também um dos personagens principais da história, um garoto Tregelliano que trabalha como guarda de Twylla para ter um dinheiro e ajudar sua família e sua irmã mais nova, um personagem esperto, que consegue enxergar muito mais do ele poderia saber e isso faz muita diferença ao longo da trama.
Posso dizer que dos personagens que descrevi alguém diz ser quem não é, mas para descobrir quem está mentindo meus caros, vocês terão que ler essa história.



Em suma posso dizer que com a Herdeira da Morte você terá um livro com uma história nova, que depois do meio da história você não irá largar mais até saber tudo. Posso dizer também que há uma pitadinha de crueldade de Game Of Thrones na história hahaha.
Recomendado.

12 comentários

  1. Oi Jess, tudo bem?
    Achei a premissa bem interessante, diferente dos livros de fantasia que já li.
    Gostei da dica, se eu tiver a oportunidade vou conferir. ;)
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Jessica, infelizmente eu me decepcionei bastante com essa leitura. Não gostei do casal principal, não vi química, e o final....Eu sinceramente, detestei. Mas fico feliz que essa experiência tenha sido proveitosa pra você.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Jess, tudo bom?
    Eu tinha tanta vontade de ler esse livro por causa da premissa, mas acabei deixando pra lá porque vi várias resenhas negativas a respeito da protagonista e do casal :/
    Que legal que a leitura deu certo pra ti! Até me animou a voltar a prestar atenção nele e em possíveis promoções :P
    Adorei a resenha.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Jess,
    Esse livro não é muito a minha cara, mas achei a história bem interessante, já quero conferir
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  5. Oi, Jess!
    Acho que essa é a primeira resenha que leio desse livro. Fiquei super interessada. Agora me diz: é único?
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Dois Anos de Família Hallinson

    ResponderExcluir
  6. A capa desse livro sempre me chamou muito a atenção quando via ele na livraria. A história parece ser bem forte, com impacto, mas muito interessante também. Mesmo não gostando muito dessa ideia de mortes e tal, sou até curiosa para conhecer esse livro :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oie, tudo bom?
    Primeiro: Mesmo sem ter lido resenhas sobre esse livro eu já tinha desejado ele só pela capa, ela chama muito a atenção.
    A premissa desse livro também parece muito boa e diferente dos livros que já li.
    Gostei muito da resenha, fiquei com vontade de lê-lo!

    Beijos,
    Um minuto, um livro

    ResponderExcluir
  8. Oie
    Faz tempinho que eu não pego uma fantasia para ler. Gostei do enredo e fiquei bem curiosa pela trama.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi
    primeiramente essa capa é linda e gostei da sinopse e que bom que gostou e achou diferente a história, parece ser uma leitura bem gostosa, fiquei curiosa ainda mais que tó precisando ler um livro de fantasia para sair um pouco dos romances.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá, achei um pouco confuso mais ao mesmo tempo curiosa a história. Quem sabe em algum momento eu leia.

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Olá, Jéssica.
    Eu quis esse livro desde que lançou porque amei a capa dele. Mas a sua é a primeira resenha que leio dele. E achei a premissa toda muito interessante. Adoro mitologia e achei tudo bem diferente do que estou acostumada a ler. Vou querer ler com certeza, mas já estou sofrendo pro essas mortes que vai ter hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Nossa estou impressionada com essa capa!
    Que belezura e dá até vontade de ler sabia?
    As capas chamam muito a atenção, e o livro parece ser muito bom.

    Adorei o bloggg e já estou seguindo rsrs

    Beijinhosss ;*
    Blog Resenhas da Pâm

    ResponderExcluir

Desenvolvido por: Adorável Design Editado por: RM Design

imagem-logo