sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Resenha - A Maldição do Vencedor


 

Título: A Maldição do Vencedor
Autor:  Marie Rutkoski
Editora:  Plataforma21
Classificação: 
Sinopse: Kestrel quer ser dona do próprio destino. Alistar-se no Exército ou casar-se não fazem parte dos seus planos. Contrariando as vontades do pai - o poderoso general de Valória, reconhecido por liderar batalhas e conquistar outros povos -, a jovem insiste em sua rebeldia. Ironicamente, na busca pela própria liberdade, Kestrel acaba comprando um escravo em um leilão. O valor da compra chega a ser escandaloso, e mal sabe ela que esse ato impensado lhe custará muito mais do que moedas valorianas. O mistério em torno do escravo é hipnotizante. Os olhos de Arin escondem segredos profundos que, aos poucos, começam a emergir, mas há sempre algo que impede Kestrel de tocá-los. Dois povos inimigos, a guerra iminente e uma atração proibida... As origens que separam Kestrel de Arin são as mesmas que os obrigarão a lutarem juntos, mas por razões opostas. A Maldição do Vencedor é um verdadeiro triunfo lírico no universo das narrativas fantásticas. Com sua escrita poderosa, Marie Rutkoski constrói um épico de beleza indômita. Em um mundo dividido entre o desejo e a escolha, o dominador e o dominado, a razão e a emoção, de que lado você permanecerá?


Resenha: Nesse mundo os povos são divididos por Herranis que são os escravos e os valorianos que são os senhores e donos das terras.
Kestrel é filha do poderoso general de Valória e a única coisa que ela mais quer é poder ter a decisão de controlar o seu destino e fazer  aquilo que mais ama que é tocar piano.
Trajan o general de Valória quer a todo custo que sua única filha entre para o exercito, pois ele sabe que ela é uma garota muito inteligente e não há ninguém melhor para trabalhar com estratégias do que Kestrel. Ainda mais agora que as batalhas estão cada vez mais freqüentes.
 Além das cobranças do pai, Kestrel tem seu amigo Ronan, que é apaixonado por ela e em qualquer oportunidade aproveita para se declarar. Kestrel tem apenas duas escolhas e elas ficam apenas entre o casamento e o exército.
"Não é isso que as histórias fazem? Transformam coisas reais em falsas e coisas falsas em reais?" 

Em um dia banal indo ao mercado com sua melhor amiga Jess, Kestrel acaba vendo um leilão de escravos, e quando um dos escravos chamado Smith aparece e o locutor diz que é um excelente músico, Kestrel por impulso não pensa duas vezes em comprá-lo. Mas ela é filha do general e conforme o povo vê seu interesse em um escravo, ela acaba em uma grande briga para quem vai pagar mais por ele e no fim ela acaba o comprando por um preço alto demais.
“Você não frequenta leilões não é? A maldição do vencedor é quando você vence as ofertas, mas só pagando um preço exorbitante.”

 Smith que na verdade se chama Arin, é um espião e está dentro das terras valorianas por que quer vingança contra o seu povo e ele fará de tudo para conseguir mesmo que tenha que fazer coisas que jamais imaginou fazer.
"A felicidade depende de ser livre, e a liberdade depende de ter coragem." 

 Kestrel e Smith logo estabelecem uma conexão e ambos sabem que escondem segredos muito intensos um do outro. Kestrel não sabe por que ficou com o escravo para ela e porque se sente livre quando conversa com ele. Arin não sabe por que a garota valoriana pagou tão bem por ele, mesmo ele estando no melhor lugar para obter informações ele sabe que ela é diferente dos outros, mas ele precisa descobrir o que realmente ela quer antes de contar toda a verdade para ela. E em uma luta pela liberdade e principalmente pelo poder, Arin e Kestrel vão ser obrigados a escolherem seus lados. 

         “Os sentimentos de Kestrel eram como bandeiras estalando sob uma tempestade, se           enroscando e se retorcendo em volta dela.”

          "Era impossível amar uma valoriana e também seu próprio povo."

Há muito tempo eu tinha interesse em ler esse livro, eu tinha visto ele no godreads e a sinopse tinha me deixado curiosa e acabei colocando ele na minha lista de leituras, mas ai o tempo foi passando e foi surgindo outros livros e eu acabei não lendo ele.
Quando a editora anunciou o lançamento dele, eu sabia que seria um livro que eu iria adorar e acertei totalmente. A Maldição do Vencedor é um livro cheio de mistérios, traições, intrigas e guerras. Fala de sobre um mundo que sofreu muito com o império e que muitos buscam uma revolução para ter liberdade. Eu não sei explicar, mas eu adoro esse tipo de história voltada para a revolução, ainda mais quando se tem um pouco de romance.
Acredito que esse foi um livro de dois extremos, uns adoraram como eu e outros acabaram não gostando da história.  Eu acredito que o ponto forte da autora foi na questão de estratégia da história, pois ela criou personagens muito espertos e muito inteligentes, aquele tipo de pessoa que percebe o que nós leitores e outras pessoas acabam não percebendo de primeira. E eu adoro personagens assim. A história é narrada pelo ponto de vista de ambos, então podemos entender quais são suas opiniões e porque ambos buscam tanto a liberdade de um jeito diferente.
A história trás pequenas reviravoltas que faz com que a gente queira muito continuar a ler. Confesso que no começo a questão dos povos me fez ficar um pouco confusa, principalmente pelas palavras utilizadas, mas depois que sabemos diferenciá-los a leitura flui bem mais rápido.
Alem desse mundo mais “distópico” temos um romance que se desenvolve ao poucos na história, fazendo com que aquela guerra se torne algo superficial quando se trata do amor.
Recomendo muito aqueles que adoram uma boa história de aventura, impérios, fantasia e romance, pois com certeza vai gostar da escrita da autora.


30 comentários

  1. Oiii Jess

    Adorei a sua descrição sobre os personagens, adoro personagens assim, e a história, aii meu Deus, sou louca por fantasias, distopias e afins e com certeza esse é um livro que irei amar. Me mandaram de presente a trilogia completa, e ainda não encontrei tempo de ler sequer o primeiro, mas espero nessas férias conferir essa trilogia.

    Beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  2. Oi Jéssica, tudo bem amore? =)
    Não conhecia esse livro, mas amei a indicação!
    Pela resenha, a história parece ser muito bacana e diferente! Também adorei a capa do livro, achei legal como fizeram! =)

    Ps: tem post novo no blog amore.

    Beijos
    Amanda Z.
    www.amandazulai.com.br

    ResponderExcluir
  3. Acho esse livro lindo, e a história parece ser bem envolvente. Desde que vi pela primeira vez, sempre me deu muita vontade de ler. Está na lista :D

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu acho a capa desse livro LINDÍSSIMA, mas não sei porque ainda não tinha me detido com atenção suficiente em nenhum texto sobre ele e olhaaaa... Adorei o enredo! Fique com vontade de ler, também não sei explicas, mas gosto de histórias com revolução no meio e uma pitada de romance. Foi para a lista dos livros que quero ler!

    Jaci
    O Que Tem Na Nossa Estante

    ResponderExcluir
  5. Oiie Jess, tudo bem?

    Tenho uma queda forte por distopias e ainda não conhecia esse livro. Que capa Espetacular é essa??? Estou babando até agora!!!!
    Sua resenha me fez sentir o enredo e talvez essa leitura me causasse certo incômodo por dividir as pessoas em "classes".
    Adorei conhecer o livro. Parabéns pela resenha!!

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
  6. Oi Jess,
    Fico de cara com esses autores do gênero, criando novos mundos e cheio de regras. Queria escrever bem assim haha
    Esse fato do romance, ser pouco, me deixou mais interessada. Pois, deve focar bastante na força da protagonista. Eu amei essa capa e esse vestido *.*

    tenha um ótimo final de semana.
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  7. Oie
    Achei que este livro fosse mais um romance histórico, acho que pela capa. Não imaginei este mundo distópico. Fiquei curiosa.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá, Jessica.
    Gostei muito da sua resenha. Apesar de já ter lido várias, a sua foi a mais completa. Eu gosto de resenhas que contam um pouco do enredo para ver se me interesso pela história e a maioria do povo só faz resenha dando a opinião. É um livro que me encantou pela capa, mas agora me interessei também pela história e assim que der eu vou ler ele.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  9. "A felicidade depende de ser livre, e a liberdade depende de ter coragem." , simplesmente uma frase perfeita
    adorei a resenha
    um beijinho
    Sara M.

    new post http://sarameirelesthesnowwhite.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  10. Oi Jéssica!
    A capa desse livro é muito linda! Gostei da sua resenha e de saber que a história também é legal, quero ler.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  11. Primeiramente, que capa linda ^^ Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas sua resenha me despertou uma grande curiosidade. Já vi que será mais um livro pra acrescentar na minha enorme lista de desejados, rs.
    Beijos

    http://mecativaste.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Amei, amei!!
    Ainda não conhecia.
    Amo livro que mistura de tudo.
    E sua resenha convenceu, quero ler!!

    Bom final de semana!
    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  13. Oi, Jess

    Curiosamente essa semana eu já li umas três ou quatro resenhas desse livro. Parece ser muito interessante, apesar de eu estar meio cansada dessa coisa meio distópica. O que mais me chamou atenção foi o fato de até as mulheres terem que se alistar!!
    Acho que acompanhar todo esse embate e essa animosidade entre Arin e Kestrel vai ser bem interessante.
    Só não consigo associar essa capa com a história! Hahahaha

    ResponderExcluir
  14. oi tudo bem?

    essa capa e perfeita, e mesmo que não gosto de muito de distopias esse
    vai pra lista de desejados adorei a sua resenha beijos

    Taynara Mello | Indicar Livros
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  15. Oi Jéssica!
    Como eu adorei esse livro *-*
    Estou louca pela continuação.
    É uma distopia igual, porém diferente das outras, né?
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Jess! Quero muito conferir a série, sempre vejo resenhas positivas e acho a premissa bem legal, mas vou ver se espero a Editora lançar todos para ler de uma só vez.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  17. Oi, Jessica!
    Esse livro realmente é daqueles que ou você ama ou você odeia, a minha amiga Jani ela odiou esse livro com todas as forças! kkk Mas eu quero muito ler amo esse gênero, e com certeza quero dar uma chance ao livro, principalmente depois da sua resenha!

    Beijos,
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Gostei muito da sua resenha. É um livro que não costumo ler muito a temática, pois é naquela época de revolução e quando ainda tinha escravos. Mas sua resenha me deixou com uma vontade imensa de ler o livro, ainda mais que tem um romance no meio, e eu adoro!
    Vou tentar baixar em PDF e mal vejo a hora de ler. ^^
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  19. Oi, Jess!
    Eu tenho uma amiga que é louca por essa série. Ela já tentou me convencer horrores a começar, mas eu tenho de terminar algumas antes de começar uma nova.
    Sua resenha me deixou bastante curiosa e só de saber que o amor fica um tanto quanto de lado, estou considerando adiantar a leitura.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção seis anos de Caverna Literária

    ResponderExcluir
  20. Costumo adorar esses romances épicos, meio distópicos, no meio de uma boa guerra. Mas esse infelizmente, não me prendeu pela sinopse, parece um pouco chato, mas vou colocá-lo na lista pois é sempre bom ler para saber né...
    Beijos!

    Blog Insaturada

    ResponderExcluir
  21. Faz tempo que eu quero ler esse livro, principalmente porque essa capa me chamou muito a atenção!
    Fico feliz que você tenha gostado do livro, imagino que eu vá gostar também.
    Gosto de histórias de outros universos assim, de distopias.

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  22. Já vi muuuuuuitas resenhas positivas desse livro, mas apesar de tudo, a obra não me chama a atenção :( adorei a sua resenha, explicou muito bem todo o desenrolar da história, quem sabe uma hora eu dê uma chance pra obra também!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Que capa maravilhosa! E que enredo é esse? Ainda não tinha lido nada a respeito desse livro, gostei da dica de leitura =)

    Beijos,
    Pri
    www.vintagepri.com.br

    ResponderExcluir
  24. Realmente eu ficaria um pouco perdida na leitura pela forma de escrita hehehe mas vale a pena tentar!

    Bjinhos,
    ❥ AmigaDelicada.com.br

    ResponderExcluir
  25. Adorei a Capa, e Pela sua Descrição, parece ser muito Bom ❤️

    Beijos

    https://apegoamaternidade.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  26. Oie Jeh =)

    É tanto menina com vestido de princesa nas capas ultimamente que fica dificil não se confundir nas séries rs...

    A sua é a primeira resenha que leio desse livro (acho), mas gostei da premissa dele, principalmente pelo fato da história não ser tão focada no romance.

    Desanimada o fato de ser uma série (sempre desanima mas a gente lê do mesmo jeito XD), mas se tiver oportunidade vou dar uma chance para ela sim.


    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  27. Sensacional essa resenha. Ficou tão explicadinha e me instigou a querer ler o livro. Parece ser uma obra muito boa, gosto quando a autora explora os dois pontos de vista por ângulos diferentes. Também curto essas tramas sobre revolução. A capa é lindaa!
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir

Desenvolvido por: Adorável Design Editado por: RM Design

imagem-logo